top of page

Preparo para colonoscopia: por que é tão importante?

O preparo para colonoscopia talvez seja um dos fatores que mais mais fazem os pacientes evitarem o exame. Muitos admitem conhecer a importância do exame na prevenção do câncer de intestino, mas relutam em tirar de um a dois dias da normalidade de sua rotina, e acabam por adiar o procedimento. Logo, prejudicam a qualidade do rastreamento.


Como já discutido em outros posts deste blog, a colonoscopia é uma das ferramentas mais completas em programas que visam a diminuição da incidência dos tumores malignos de cólon e reto. Esse exame tem a capacidade de identificar a lesão maligna e realizar biópsias.


Entretanto, é viável que se realize também a remoção de pólipos – verrugas que aparecem na parede do intestino e que se transformam em câncer –, efetivando a prevenção do câncer.


Como é o preparo para colonoscopia?

O que muitos não sabem é que, sem um preparo de qualidade, a efetividade de todo o processo da colonoscopia é comprometida.


Então, como é o preparo do cólon?


Consideramos que preparar o intestino para a colonoscopia é o conjunto de medidas – que envolvem dieta e medicamentos – para limpar a superfície mucosa intestinal e, assim, permitir a visualização completa de toda extensão do órgão.


Em outras palavras, isso envolve a mudança da dieta do paciente por um a dois dias. A alimentação no preparo da colonoscopia deve ser livre de resíduos sólidos não digeríveis, como fibras alimentares, carnes vermelhas, sementes e grãos em geral, além dos derivados de leite.


Tipo de dieta no preparo da colonoscopia

Basicamente, durante o preparo deve-se utilizar uma dieta basicamente líquida, associada a alimentos sólidos de fácil digestão, como biscoitos tipo crackers, macarrão instantâneo e peito de frango, em forma de sopa batida e coada.

Ingestão de líquido é essencial no preparo para a colonoscopia
Ingestão de líquido é essencial no preparo para a colonoscopia

É importante que o paciente evite quaisquer líquidos de cor vermelha (como suco de morango ou framboesa), vinhosa (uva) ou escura (café e chá mate), pois isso pode levar à confusão com a presença de sangue no interior do cólon.


Para potencializar essa limpeza, o médico poderá prescrever uma ou mais medicações laxativas.


Por que fazer o preparo para colonoscopia?

Muitas vezes, o médico é questionado sobre a intensidade do preparo. É muito comum ouvirmos pacientes dizer “meu intestino já funciona bem, será que eu preciso fazer isso tudo?”. Pois saibam que sim.


O preparo precisa ser feito de maneira completa. Não adianta tomar só parte das medicações ou transgredir a dieta. A colonoscopia é a filmagem da mucosa do intestino e, se houve resíduos fecais, a avaliação pode ficar incompleta e impedir a identificação de lesões que posteriormente se transformarão em câncer de intestino.


Repetição da colonoscopia

Um dos critérios para se definir o intervalo de repetição das colonoscopias é justamente o grau de limpeza do intestino. Nós, médicos coloproctologistas, temos até uma escala própria para isso.


Em outras palavras, se um preparo for considerado inadequado, o exame deverá ser repetido com todos os inconvenientes e riscos envolvidos na sua realização.


Existe tipo de laxante melhor para o preparo?

Em um estudo realizado em 2018, com coordenação do coloproctologista Bruno Giusti Werneck, quatro tipos de preparação para colonoscopia foram comparados, e todos foram semelhantes na qualidade da limpeza intestinal.


O que foi visto é que, se o paciente seguir as orientações adequadamente, é muito provável que o preparo seja adequado.

Logicamente, existem qualidades e peculiaridades relacionadas em cada medicação e que podem ser indicadas de maneira individualizada para cada pessoa. Essa personalização do atendimento com certeza aumenta a tolerância e aderência às orientações.


Ou seja, converse com seu médico e participe da escolha do seu preparo.


O que pode piorar a qualidade da limpeza?

Muitos fatores podem influenciar na qualidade do preparo para a colonoscopia, mas o principal é sair (transgredir) da dieta. É preciso seguir exatamente tudo o que está escrito nas orientações. Não invente, pois você vai se arrepender!


Além da alimentação adequada, outros fatores associados à limpeza adequada do intestino são:


Velocidade de ingestão do laxativo

O volume total da medicação do preparo precisa ser ingerido o mais rápido possível para que o efeito de limpeza seja mais intenso.


Volume de hidratação

Quanto mais líquido o paciente ingerir junto com o laxativo, melhor será para o preparo da colonoscopia.


Movimentação adequada

Quando o paciente anda durante o processo, ele é capaz de estimular melhor o funcionamento do intestino, o que ajuda muito no preparo para o exame.


Adaptação para diabéticos e outros pacientes

Para diabéticos e pessoas com divertículos, é importante ter em mente que essas condições dificultam o esvaziamento e a limpeza completa do intestino. Ou seja, pode ser necessário um preparo mais prolongado ou intenso, conforme a orientação do médico.


Outras particularidades

A prisão de ventre, o hipotireoidismo descontrolado, bem como a doença de chagas e o uso de medicações psiquiátricas podem retardar a movimentação intestinal. Por isso, esses casos exigem maior cuidado na hora de prescrever medicações.


Consulta é sempre essencial

Para que o preparo da colonoscopia seja realmente bem feito, conforme as particularidades de cada paciente, é essencial que a consulta com o médico colonoscopista seja sempre realizada antes de marcar o exame.


Assim, será possível identificar as condições predisponentes para dificuldades e, então, individualizar as orientações. É inevitável que uma porcentagem de pacientes apresentará preparo ruim durante o exame, mas a busca pela excelência deve ser constante.


A comunicação é sempre o melhor remédio, então, não tenha medo de perguntar. Se houver dúvidas, esclareça antes do momento do exame.


E, por fim, saiba que, se a colonoscopia foi indicada, é porque ela foi considerada importante para você. Não fuja, pois depois pode ser tarde demais.

bottom of page